Notícias

MOVIMENTO DOCENTE

Fórum das ADs reivindicará reunião com o governo

12-05-2020 às 16h49

Ascom Fórum das ADs
Última reunião foi em 2019
Última reunião foi em 2019

Reunido na última sexta-feira (9), o Fórum das ADs avaliou a mesa de negociação permanente com o governo Rui Costa. Após discussão, os professores encaminharam que a coordenação da entidade reivindique um encontro para tratar do andamento dos pontos que ficaram pendentes na pauta de negociação resultante da greve de 2019. Respeitando a orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS); o pedido é de que a conversa seja realizada de forma virtual.

Além das mesas de negociação, os diretores das associações docentes discutiram alguns assuntos relacionados ao impacto da pandemia do coronavírus no desenvolvimento do trabalho docente, mais ações para denunciar as propostas do governo que atacam os direitos da categoria, a exemplo da ameaça ao abono permanência do funcionalismo estadual.

Decidiu-se pela elaboração de uma nota pública que relate as condições de trabalho docente diante da pandemia e que ratifique o posicionamento contrário da categoria ao sistema de educação remota adotado pelas administrações de algumas universidades, através da Educação a Distância (EAD). Nos meses de março e maio, a diretoria da Adufs divulgou nota na qual demonstrou preocupação com a adoção da EAD para a continuidade do semestre letivo.

Na nota do Fórum das ADs, os professores ainda abordarão a importância das pesquisas científicas produzidas nas universidades públicas e nos institutos federais para o combate ao coronavírus. O documento será publicado ainda nesta semana.

Ainda na reunião do Fórum das ADs, houve a mudança da coordenação da entidade, que passou da Adufs para a Adusc. Solidários aos estudantes, os docentes também se posicionaram pelo adiamento do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para os professores, não é viável as provas do Enem serem realizadas conforme o calendário previsto, pois não leva em consideração o momento de pandemia e isolamento social que o país está enfrentando.

Uma nova reunião do Fórum das ADs será realizada ainda neste mês, com data a ser definida.

Mesa de negociação

A última mesa de negociação com o governo ocorreu no dia 7 de novembro do ano passado. Na ocasião, os representantes do Governo do Estado sugeriram para os sindicatos a renúncia da Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) em defesa do artigo 22 do Estatuto do Magistério Superior, como condicionante para a implantação de todas as Dedicações Exclusivas (D.E.).

Insistindo no diálogo, o Fórum das ADs propôs uma nova reunião da mesa permanente para discutir o tema, com as presenças dos secretários envolvidos nas pastas de negociação, mais os deputados que foram interlocutores durante a greve. O governo ficou de dar retorno no dia 11 de novembro do ano passado sobre a possibilidade de agendamento da reunião até o dia 14 de novembro, o que não ocorreu. Daquele momento até então, o Fórum das ADs tem insistindo no agendamento de uma nova mesa permanente de negociação, sem sucesso.


Compartilhe esta notícia:


Leia Também:

Total de Visitantes
2419565
Usuários Online
3
Avenida Transnordestina, MT 45, Novo Horizonte
Campus Universitário - UEFS CEP 44036-900
Feira de Santana - Bahia | Tels: (75) 3161-8072 / 3224-3368.
E-mail: adufs@uefs.br / adufsba@yahoo.com.br
Desenvolvido po Tacitus Tecnologia
Todos os direitos reservados © 2020 - ADUFS
Home Filie-se a ADUFS Contato